InglêsFrancêsEspanhol

Executar servidores | Ubuntu > | Fedora > |


favicon do OnWorks

intel_reg - Online na nuvem

Execute intel_reg no provedor de hospedagem gratuita OnWorks no Ubuntu Online, Fedora Online, emulador online do Windows ou emulador online do MAC OS

Este é o comando intel_reg que pode ser executado no provedor de hospedagem gratuita OnWorks usando uma de nossas várias estações de trabalho online gratuitas, como Ubuntu Online, Fedora Online, emulador online do Windows ou emulador online do MAC OS

PROGRAMA:

NOME


intel_reg - Multitool de registro de gráficos Intel

SINOPSE


intel_reg [opção ...] comando

DESCRIÇÃO


Multitool de registro de gráficos Intel. Ler, escrever, descarregar e decodificar MMIO gráficos da Intel e
registros de banda lateral e muito mais.

OPÇÕES


Algumas opções são globais e algumas específicas para comandos.

--verbose
Aumente a verbosidade.

--quieto
Diminua a verbosidade.

--count = N
Leia N registros.

--binário
Valores binários de saída.

--tudo
Decodifique registros para todas as plataformas conhecidas.

--mmio = ARQUIVO
Use a barra MMIO de FILE.

--devid = DEVID
Finja ser PCI ID DEVID. Útil com instantâneos de barra MMIO de outras máquinas.

--spec = PATH
Lê as especificações de registro do diretório ou arquivo especificado por PATH; veja CADASTRE-SE ESPEC DEFINIÇÕES
abaixo para obter detalhes.

--Socorro
Mostre uma breve ajuda.

COMANDOS


Consulte REGISTER REFERENCES abaixo para saber como descrever registros para os comandos.

ler [--count = N] REGISTE-SE! [...]
Descarregue cada REGISTRO especificado ou N registros começando de cada REGISTRO.

escrever REGISTE-SE! VALOR [REGISTRO VALOR ...]
Escreva cada VALOR no REGISTRO correspondente.

despejar [--mmio = ARQUIVO --devid = DEVID]
Despeja todos os registros especificados na especificação do registro.

decodificar REGISTE-SE! VALOR
Decodificar REGISTRO VALOR.

instantâneo
Envie a barra MMIO para stdout. A saída pode ser usada para uma chamada posterior de dump ou
leia com os parâmetros --mmio = FILE e --devid = DEVID.

Lista
Liste os registros conhecidos.

ajudar
Mostra uma breve ajuda.

REGISTE-SE! REFERÊNCIAS


Os registros são definidos como [(PORTNAME | PORTNUM | MMIO-OFFSET):] (REGNAME | REGADDR).

PORTNAME
O método de acesso de registro, geralmente MMIO, que é o padrão. Os métodos suportados
em todas as plataformas são "mmio", "portio-vga" e "mmio-vga".

Em BYT e CHV, as portas de banda lateral "bunit", "punit", "nc", "dpio", "gpio-nc", "cck",
"ccu", "dpio2" e "flisdsi" também são suportados.

PORTNUM
Número da porta para as portas de banda lateral suportadas em BYT e CHV. Apenas números mapeados para o
portas suportadas são permitidas, números arbitrários não são aceitos.

Os números acima de 0xff são interpretados automaticamente como deslocamentos MMIO, não como números de porta.

MMIO-OFFSET
Use MMIO e adicione este deslocamento ao endereço de registro.

Números iguais ou inferiores a 0xff são interpretados automaticamente como números de porta, não MMIO
compensações.

REGNAME
Nome do registro conforme definido nas especificações do registro.

Se o deslocamento MMIO não for especificado, ele será obtido na especificação do registro. No entanto, portas
não são; a porta é um namespace para os nomes de registro.

REGADDR
Registre o endereço. O nome de registro correspondente não precisa ser especificado no registro
spec.

MEIO AMBIENTE


INTEL_REG_SPEC
Caminho para um diretório ou arquivo contendo definições de especificações de registro.

REGISTE-SE! SPEC DEFINIÇÕES


Uma especificação de registro associa nomes de registro a endereços. A especificação é pesquisada neste
ordem:

1. Diretório ou arquivo especificado pela opção --spec.

2. Diretório ou arquivo especificado pela variável de ambiente INTEL_REG_SPEC.

3. Especificação de registro interno. Também usado como substituto com um aviso se os itens acima forem usados, mas
falhou.

Se um diretório for especificado usando a opção --spec ou a variável de ambiente INTEL_REG_SPEC,
o diretório é verificado em busca de um arquivo de especificação nesta ordem:

1. Arquivo com o nome do id do dispositivo PCI. Por exemplo, "0412".

2. Arquivo nomeado após o nome do código em letras minúsculas, sem pontuação. Por exemplo,
"Valleyview".

3. Arquivo com o nome da geração. Por exemplo, "gen7" (observe que corresponde a Valleyview,
ivybridge e haswell!).

Registar Spec Envie o Formato
O formato das especificações de registro é brevemente descrito abaixo:

· Linhas vazias e linhas que começam com "#", ";" ou "//" são ignoradas.

· Linhas não começando com "(" são interpretados como nomes de arquivo, absolutos ou relativos, a serem
incluído.

· As linhas que começam com "(" são interpretadas como definições de registro.

Os registros são definidos como tuplas ('REGNAME', 'REGADDR', 'PORTNAME | PORTNUM | MMIO-OFFSET'), como
em REGISTAR REFERÊNCIAS acima. A descrição da porta também pode ser uma string vazia para denotar
MMIO.

Exemplos:

· # Este é um comentário, abaixo está uma inclusão

· Vlv_pipe_a.txt

· ('GEN6_PMINTRMSK', '0x0000a168', '')

· ('MIPIA_PORT_CTRL', '0x61190', '0x180000')

· ('PLL1_DW0', '0x8000', 'DPIO')

Use intel_reg online usando serviços onworks.net


Ad


Ad